Conselho da Comunidade negocia melhorias no atendimento da SUAPI

O Conselho da Comunidade no Acompanhamento da Execução Penal na Comarca realizou uma reunião ordinária na tarde de sexta-feira, dia 11. O Conselho mais uma vez reuniu-se com visitantes para discutir melhorias no atendimento dos familiares de presos, que desejam visitar seus entes que estão sob custódia do Estado. As queixas mais comuns são sobre a grande demora no atendimento e dos procedimentos de revista que antecedem a visita, ou questões sobre alimentos que esporadicamente acessam a unidade.

Questões como essas vinham sendo discutidas com o então diretor Silvio, e passarão a ser discutidas com o seu substituído, agora diretor Alexandre Henrique Ferrari, e as negociações tendem a continuar. Depois de uma fuga ocorrida no início deste mês, algumas famílias fizeram doação de R$ 650 reais ao Conselho para que esse providenciasse o material para a reforma da cela 03, danificada durante a fuga.

No fim do ano passado, após pressões das famílias e do Conselho, a diretoria da Suapi havia montando uma escala alternada de visitas por celas. Mas com a troca da direção, as longas filas retornaram. Outro assunto que deverá ser abordado pelo Conselho será a aquisição por parte do Estado de um scanner para a unidade de Santos Dumont. Com esse equipamento haverá uma fiscalização mais humana e eficiente, tanto na revista corporal, de alimentos e no controle de objetos proibidos, como celulares, materiais perfurantes e drogas.