País caminha para normalização do abastecimento, afirmam ministros

Os ministros Raul Jungmann e Sérgio Etchegoyen ressaltaram o esforço para retomar as rodovias, aeroportos, portos e garantir o abastecimento no País

Diante do esforço para retomar o abastecimento nas regiões brasileiras, o País já caminha para um cenário de normalização nas diversas áreas afetadas pela paralisação dos caminhoneiros. A avaliação foi feita neste sábado (26) pelos ministros Raul Jungmann (Segurança Pública) e Sérgio Etchegoyen (Gabinete de Segurança Institucional) em entrevista a jornalistas.

De acordo com os ministros, a situação nas rodovias brasileiras já começa a melhorar. Segundo o balanço feito pelas autoridades, 524 rodovias já foram liberadas, e outras 566 ainda contam com bloqueios.

Aeroportos

A liberação das estradas, contando com a realização de corredores rodoviários para escoltar cargas, vem permitindo o restabelecimento das operações aeroportuárias. Os aeroportos de Brasília, Viracopos, Porto Alegre e Cofins já receberam combustível para retomar a atividade. Etchegoyen reforçou o empenho do governo e garantiu que os principais aeroportos do País já estão bem próximos da normalização.

Energia

Além disso, o fornecimento de combustível, que permite o funcionamento de usinas termelétricas em Rondônia (RO) e Roraima (RR) já foi realizado, possibilitando a geração de energia nessas regiões e garantindo o restabelecimento do estoque. Refinarias importantes também estão começando a ter o acesso liberado.

Portos

Portos importantes como Miramar, no Pará, e Suape, em Pernambuco, também já se encontram desobstruídos, afirmam os ministros. “Caminhamos, assim, dentro do que foi colocado como diretriz pelo presidente da República […] negociar, manter o diálogo, mas não abrir mão do exercício da autoridade”, explicou o ministro Etchegoyen.

Fonte: Planalto