“Somos todos Museu Cabangu”

Na quinta-feira, dia 18, vai ser lançado nas redes sociais e na Rádio Cultura no programa de Alessandra Batista a campanha “Somos todos Museu Cabangu”. A ideia inicialmente criada por Tiago Guimarães obteve apoio da Fundação Casa de Cabangu, FAB – Força Área Brasileira e da Prefeitura Municipal. O objetivo da campanha visa primeiramente zerar os débitos do CNPJ – Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas da Fundação Casa de Cabangu, que atualmente convive com débitos trabalhistas e fiscais previstos, até 31 de dezembro, em torno de R$ 160 mil reais.

Durante várias semanas Tiago tomou frente das negociações que envolveram as secretarias de Educação e Cultura, e de Meio Ambiente, Turismo, Esporte e Lazer, nas pessoas das secretárias Bárbara Barros e Luciane Vianna.

Campanha é alternativa para quitar dívidas

Neste tempo foi planejada a campanha quem tem como lema “Somos todos Museu Cabangu”, sugerido por Marcos Evangelista, que visa obter o financiamento coletivo em favor da Fundação. Neste primeiro momento as pessoas podem fazer suas doações em qualquer valor na conta do banco Santander, agência 3298, conta corrente 13000050-9, e todo recurso doado será revertido ao pagamento deste débito estimado.

Tão logo o débito seja extinto, com o CNPJ liberado, a Fundação terá condições de captar recursos através de leis de incentivo e apoio à cultura, como exemplo a Lei Rouanet, bom como captar recursos de empresas estatais e da iniciativa privada.

O lançamento nas redes sociais tem início na quinta-feira, onde traremos muito mais informações da Campanha. O evento oficial acontecerá nos próximos dias no Museu Cabangu, dando maior brilho às comemorações da Semana Asa.